Sapatos: como conservá-los e mantê-los como novos

Aproveite a estação mais fria do ano e limpe suas botas e sapatos fechados. Veja como fazer sem estragá-los!

Na hora da compra, não há mulher que resista a um, dois, três pares de sapatos, não é verdade? Mas, mantê-los como novos por anos a fios, muitas vezes, parece um sonho distante, certo?

Errado! Essa tarefa é mais fácil do que você imagina! Aproveite a estação mais fria do ano, momento em que você retira do armário botas, sapatos de camurça fechados (entre outros calçados), para aprender a fazer uma limpeza geral em algo que tanto gostamos e não cansamos de comprar!

Sapatos

Depois dessas dicas você até vai conseguir resistir a uma vitrine repleta de novidades e economizar... Papel e caneta na mão para as dicas! Antes de calçar qualquer sapato, deixe-o no mínimo 12 horas fora da sapateira para arejar.

Após um dia inteiro levando o "coitado" para lá e para cá, chegue em casa e limpe-o! É muito simples, você só vai precisar de dois panos, sendo um umedecido de água e outro mais sequinho, para remover a umidade. Não se esqueça de limpar por dentro e por fora... Depois de limpos, evite guardá-los em armários úmidos. Isso pode provocar mofo.

Botas, as queridinhas da vez!

Sapatos

Para as botas, que certamente não terão descanso nesse inverno, todo cuidado é pouco! Após o uso, saiba como limpá-las, guardá-las corretamente e assim, mantê-las como novas!

  • De couro: esse material é o mais fácil de cuidar! Na maioria das vezes um pano úmido com água resolve. Caso queira dar um toque a mais para lustrar o couro, passe uma escova com cerdas macias, que retiram os resíduos sem arranhar. E jamais limpe esse tipo de bota em água corrente.
  • De camurça: é a mais delicada e a que exige mais cuidados na hora da limpeza! O material suja com facilidade, mas não tem muito segredo para limpar! Para cores claras, uma borracha escolar resolve bem o problema. Mas atenção, ela deve ser daquela branquinha, nunca com cores fortes, do contrário poderá manchar seu calçado. No caso das botas escuras, um pano levemente molhado de água com uma gotinha de creme hidratante (isso evita que a camurça resseque) deixa esse tipo de bota um luxo novamente!
  • De verniz: as botas desse material podem ser limpas com vaselina líquida. Utilize um pedaço de algodão ou pano seco para passar. Para deixá-las brilhando, lustre-as com uma flanela seca assim que secarem.

Na hora de guardá-las, também é preciso cuidado!

A primeira dica é: Elas devem ser guardadas com um suporte de cano, que evita que elas dobrem e o material seja danificado. Existem muitos acessórios no mercado que podem ajudar a deixá-las em “pé”, mas caso não encontre, improvise com cartolinas, revistas dobradas ou garrafas pets.

Não guarde a peça em saco plástico, isso evita que ela respire. Quanto mais ventilada a bota estiver, melhor. Isso previne a descoloração e acúmulo de mofo. Outra dica é: jamais exponha as botas ao Sol ou qualquer outra fonte de calor. Isso pode amarelar e deixar o material quebradiço.

E mulheres, um lembrete importante: polidores de móveis, vernizes, óleos, detergentes, entre outros produtos químicos, devem passar longe das botas. Todos esses produtos funcionam muito bem na sua casa, mas não para suas botas, ok?

Para fixar melhor tudo o que você aprendeu acima, veja esse vídeo com outras sugestões bem bacanas:

Postado em .


Recomendado para você

Comentários