It girl: você sabe o que é isso?

Uma verdadeira it girl consegue influenciar suas “fãs” por meio das roupas, do cabelo e do make-up. Saiba quem são elas

Ela é a tal, aquela que todos comentam, admiram e se espelham. Uma verdadeira it girl consegue influenciar suas “fãs” por meio das roupas que veste, do corte de cabelo que usa, das maquiagens, dos sapatos e até dos lugares que frequenta, mesmo sem ter intenção. Praticamente tudo o que uma it girl consome vira alvo de desejo, pois seu estilo irreverente e cheio de atitude desperta a curiosidade das pessoas.

Assim, ela tem o poder de fazer suas admiradoras seguirem não só o seu jeito, mas o seu conceito de vida. Agora, é bom deixar claro que tem algo nela único e que não pode ser comprado: carisma, elegância e charme. 

Vale também dizer que uma it girl, de acordo com as especialistas de moda, não se faz com roupas de grife. Logo, não tem nada a ver com a classe social que vive, ou seja, ela não precisa ser rica ou milionária para ganhar o título. Vai muito além disso: é ser uma mulher com atitude.

It girl - Novela da Globo

A It do momento

Quem é noveleira de plantão, já viu que a personagem Amora Campana, interpretada pela atriz Sophie Charlotte, na novela Sangue Bom, da Globo. Ela é a it girl do momento!  A fashionista já mostrou que chegou para lançar moda na trama e na vida real das pessoas: corte de cabelo moderninho – que daqui a pouco, com certeza será como o modelo mais pedido em todos os salões de beleza -, uso de muitos colares, braceletes e anéis, maxi bolsas e, claro, sapatos superfashions (mas nesse caso, a personagem tem uma queda incontrolável por este item que já virou doença).  

E não é só na TV que temos a menina "it". Ela não necessariamente precisa estar na mídia, pode estar na sua escola, faculdade ou trabalho. Fica a dica!

Mini it girl

Ela não é famosa - pelo menos por enquanto -, mas faz sucesso aonde chega. Sarah Zaruí Eivazian, de apenas três aninhos, é destaque quando o assunto é moda. Com um estilo único, suas roupas modernas, seus acessórios charmosos e seus sapatinhos fashions, deixam muitos adultos babando com tanta variedade e bom gosto. Claro que seus pais escolhem o que comprar, mas a garotinha, sem dúvidas, nasceu pra ditar moda. Quando um figurino não lhe agrada, sua personalidade é tão forte que ela sabe muito bem dizer um não. E assim, suas roupas estilosas só fazem as mamães apaixonadas por moda aderirem ao estilo em seus filhos também. Olha, Sarinha, se essa moda mirim pega, você vai fazer parte da origem das mini it girls! Já pensou que chique?

Onde tudo começou...

It girlA romancista britânica Elinor Glyn (1864 - 1943) foi quem criou o termo “it” como um eufemismo para “sex appeal”. Para ela,  "it" é a qualidade possuída por alguns que atrai todos os outros com a sua força magnética. Com o "it" você ganha todos os homens, se você é uma mulher ou todas as mulheres se você é um homem. "It" pode ser uma qualidade da mente, bem como a atração física".

A primeira it girl do mundo foi a atriz norte americana Clara Bow que estrelou o filme “It” de 1927. Ela se vestia e portava diferente, e apesar de não ser a mais bela das atrizes de Hollywood, tinha um "quê" a mais. Por isso, ganhou o título de “It girl”.

Agora que você já conhece um pouco mais sobre este termo que está na boca do povo, que tal também fazer parte da “tribo” das it girls?

Postado em - Atualizado .


Recomendado para você

Comentários