Devo usar protetor solar ou bloqueador solar?

Mas o que eu devo usar para me proteger do sol: Protetor solar ou bloqueador solar? Entenda as diferenças!

Na hora de ir à praia, é muito importante contar com o melhor método de proteção para garantir que sua pele não corra riscos sérios de queimaduras. A influência dos raios solares em contato com a pele pode causar diversas doenças e problemas, pois em alta intensidade, os raios acabam ferindo nossos tecidos e prejudicando nossos sistemas cutâneos.

Mas o que eu devo usar para me proteger do sol: Protetor solar ou bloqueador solar? O protetor parece ser tão eficiente quanto o bloqueador, mas os dois agem de formas diferentes e podem não ser tão recomendados para determinados casos. Confira um pouco mais sobre a proteção solar e garanta a segurança e o bem estar de sua pele, todos os dias:

Protetor solar vs. Bloqueador solar – Diferenças

Devo usar protetor solar ou bloqueador solar?

Começando do básico, temos que ter em mente duas coisas: Protetor e bloqueador solar têm os mesmos objetivos, de proteção da pele contra os raios solares, mas têm modos de ação diferenciados.

O protetor solar trabalha para absorver os raios UVA e UVB de forma inofensiva, “filtrando” sua ação na pele e permitindo que incidam na pele de uma maneira bem segura, penetrando que a radiação penetre nas células e cause danos. Atuando de duas formas, os filtros podem ser químicos (compostos orgânicos que convertem a radiação em energia) ou físicos (compostos inorgânicos que refletem a radiação solar).

Já os bloqueadores refletem a radiação UV por completo, protegendo da radiação e inibindo o bronzeado. Deixando a pele muito esbranquiçada, o bloqueador é mais grosso, e não conta com agentes químicos intensos. Ideal para pessoas alérgicas aos filtros, crianças, pessoas que fizeram peeling recentemente, entre outras.

Raios UVA e UVB

Devo usar protetor solar ou bloqueador solar?

Os raios ultravioletas, que são carregados a partir da luz solar, penetram nas camadas mais superficiais da pele, causando queimaduras e afetando a produção de melanina e de vitamina D. O raio UVB é o que afeta as camadas superficiais, enquanto o raio UVA vai mais longe, atingindo camadas mais profundas da pele, causando envelhecimento precoce da pele e manchas em várias regiões. Além de aspectos externos, os raios afetam a elasticidade, resistência e estrutura da pele.

Dicas

Os filtros e bloqueadores devem ser reaplicados a cada duas horas no máximo, aplicado com a pele seca trinta minutos antes da exposição ao sol. Para pele seca ou mista, opte por produtos em creme ou loção. Para a pele oleosa, conte com produtos em gel ou oil-free.

Postado em .


Recomendado para você

Comentários