Dança do ventre: quais os benefícios?

A arte milenar promove benefícios físicos, emocionais e mentais

A dança do ventre é uma arte milenar e está associada às questões da fertilidade. Para além desse benefício, é um tipo de atividade física que instaura na mulher um ar de completa sensualidade. Por misturar combinações de movimentos com uma série de acessórios para lá de interessantes, tem chamado muito a atenção do universo feminino. São adornos com detalhes riquíssimos e apetrechos super sedutores.

Dança do ventre: quais os benefícios?

O que dizem os especialistas quanto aos benefícios da dança do ventre? É sabido, por exemplo, que ela reduz aqueles transtornos horripilantes da menopausa. Como é um tipo de dança que movimenta bastante os quadris e a região do abdômen, também é associado à redução das calorias! Aquela maravilhosa queima calórica! Há, ainda, os benefícios à própria mente feminina. Sem falar naquele cuidado especial com a autoestima.

Se você ainda está reticente, que tal usar a dança do ventre a seu favor e estar mais sensual com o seu companheiro durante o momento do “amor”?

Como os movimentos influenciam seu corpo?

Dança do ventreUma das vantagens da dança do ventre está no fato de esse tipo de exercício físico trabalhar todo o corpo feminino. Para quem pretende emagrecer, por exemplo, mas não gosta de academias...A dança do ventre é uma aliada!

Além disso, você terá melhorias nas atividades cardiorrespiratórias, vai ativar, com mais qualidade, a circulação sanguínea e também vai perceber benefícios no aparelho digestivo. Ideal para quem tem dificuldades ou problemas de prisão de ventre, questões relacionadas aos rins e mesmo aos órgãos sexuais.

Quando você estiver movimentando a região do abdômen, automaticamente promoverá uma melhor tonificação dos músculos e a barriguinha começará a ficar bem lisinha. A postura e a flexibilidade corporal também sofrerão influências. Chegou a hora de modelar pernas, costas, braços, glúteos, quadris e aquela adorável cinturinha. As informações dão conta de que, em uma hora de aula, a mulher consegue queimar até 400 calorias. E então, está convencida de que a dança do ventre pode ser sua aliada para além de um corpo sarado e saudável?

É importante destacar que esse tipo de exercício físico não deve ser procurado apenas com o fim de desenho corporal. A dança do ventre vai agir, também, no plano emocional da mulher. É um espécie de terapia, pois além de ajudar a relaxar o corpo, vai combater  o estresse, aquelas crises de ansiedade e, para quem já está no período, atenuar os sintomas da menopausa. A mulher, com a dança do ventre, tem ainda a oportunidade de conhecer melhor e admirar o próprio corpo.

Com isso, passa a respeitá-lo muito mais. Essa dica é essencial nos dias de hoje, quando observamos verdadeiras agressões ao nosso “santuário” em função daquele desejo absurdo de parecer escultural e bela.

Postado em - Atualizado .


Recomendado para você

Comentários