Pontas duplas: Saiba o que é, e aprenda como evitar

Dicas para eliminar e prevenir essa tormenta nos seus cabelos.

Não basta cuidar apenas da raíz e do crescimento dos cabelos. Uma das partes essenciais na hora do tratamento capilar é a ponta do fio. Como identificar se elas estão saudáveis e qual o tratamento adequado para deixá-las cada vez mais sadias? Vamos às dicas!

Pontas duplas

De acordo com os especialistas, o que mais se observa de problemas nos fios dos cabelos são pontas duplas. Elas apresentam uma aparência de “queimada”. Isso se deve principalmente à exposição aos raios ultravioletas. O tratamento deve ser reparador, para garantir o fortalecimento do fio e deixá-lo bem bonito e saudável. Nessa etapa é importante apostar na hidratação e selagem dos fios, deixando-o com uniformidade e polimento nas pontinhas enfraquecidas.

O tratamento de selagem e a cauterização fazem com que as escamas dos fios sejam fechadas. Outra dica de quem entende do assunto é evitar lavar os cabelos com água muito quente.

A hidratação, que as mulheres costumam fazer de forma quinzenal, também deve ter componentes específicos para o tratamento das pontas.

O segredo da tesoura

Pontas duplas

Muitas mulheres são resistentes a cortar as madeixas e morrem de medo da tesoura. E o que esse comportamento faz? Prejudica nossos fios. Não estamos indicando que você vá tesourar 10 centímetros dos fios, mas que ao menos a cada três meses, tenha o cuidado de aparar as pontas dos seus queridinhos.

O sinal de alerta para você se render à tesoura é bem fácil de identificar: pontas frequentemente embaraçadas, peso do shampoo e dificuldade em manter os fios presos. Esses são alguns dos sinais de que as pontas pedem socorro!

Outra dica bem simples e proveitosa é você aplicar, diariamente, uma gota de óleo reparador nas pontas e manter o cuidado essencial de proteção contra os raios ultravioletas.

Um aspecto essencial e diário para cuidar das pontas é usar um pente adequado. Se todos os dias, por variadas vezes, você está em contato com os fios, que faça esse processo com um pente de madeira. Esse tipo de material consegue espalhar, ao longo de todo o fio, o óleo natural produzido pela raiz capilar. Nesse processo, você evita o ressecamento das pontas.

Água de coco

E os especialistas em cabelos não param de nos surpreender! Na pesquisa para produzirmos essa matéria, achamos uma dica inusitada. Alguns cabeleireiros recomendam o uso da água de coco para tratar das pontas. O líquido precioso é borrifado ao longo do comprimento e das pontas semanalmente. Pode, inclusive, estar gelada!

Os resultados comprovam que o cabelo ganha mais brilho e fica mais fortalecido. Há ainda a opção de aplicar a água no cabelo seco, antes de dormir ou na hora de lavar, em substituição ao condicionador.

Dever de casa

No passado, a mulher já chegou ao ponto de queimar as pontas dos fios para fugir do aspecto de cabelo danificado. Mas, estamos no século XXI e precisamos agir na prevenção! De nada adianta você usar cosméticos para reparar o problema, se não adotar cuidados essenciais no dia-a-dia.

Pontas duplas

Mulheres com coloração ou permanentes devem redobrar os cuidados. Já as que adoram prender as madeixas, precisam excluir os elásticos e acessórios que quebram e danificam os fios.

Após lavar o cabelo, nada de secá-lo insistentemente com uma toalha. Procure retirar o excesso de água e deixá-lo secar sem muita fricção. O secador também não deve ser usado como um choque direto no cabelo molhado.

E a dica que nunca sai de moda: alimentação equilibrada e atenção à saúde. A nossa dieta pode influenciar diretamente na lubrificação do folículo do cabelo. Cabelos opacos dão sinais de vulnerabilidade e podem ser sintomas de uma dieta pobre em calorias e proteínas.

Fotos: www.mulherbeleza.com.br, www.institutoluciaribeiro.com.br, juliocrepaldi.com

Postado em - Atualizado .


Recomendado para você

Comentários